🔰 Esse é um assunto que sempre gera discussão e, mais uma vez, o TCU se manifestou sobre a indicação de marcas em licitações.

 Segundo o Tribunal, ao criar uma limitação que é exceção à regra, mas que também é permitida frente ao princípio da padronização, o gestor deve apresentar argumentos sólidos e consistentes que demonstrem que a restrição que se está sendo feita é estritamente necessária e acarreta em uma série de benefícios que atendam ao interesse público. (Ac 173/2018-P)

🔸 Quer saber um pouco mais? Confira o vídeo gravado por Dawison Barcelos sobre o tema em bit.ly/licitamarca 

Dawison Barcelos

Print Friendly, PDF & Email